“Ide pelo mundo inteiro e anunciai o Evangelho a toda criatura” Mc 16,15

Dioceses mães

A Diocese de São Salvador da Bahia foi criada pelo Papa Júlio III, em 25 de fevereiro de 1551, e elevada a arquidiocese em 1676. Foi a primeira diocese do Brasil e, por isso, o seu arcebispo tem o título de Primaz.

Em 19 de julho de 1575, o Papa Gregório XIII criou a Prelazia de São Sebastião do Rio de Janeiro, administrada pelo então bispado de São Salvador da Bahia. O papa Inocêncio XI, em 16 de novembro de 1676, elevou-a a diocese, e também elevou a da Bahia a arquidiocese.

A Diocese de São Sebastião do Rio de Janeiro (elevada a arquidiocese em 27 de abril de 1892 pelo Papa Leão XIII) abrangia uma grande extensão do território brasileiro. A ela pertencia também a região que mais tarde compreenderia o estado de São Paulo.

DIOCESE DE SÃO PAULO

O Papa Bento XIV, em 6 de dezembro de 1745, pela bula “Candor lucis aeternae”, criou a Diocese de São Paulo, desmembrada da então Diocese do Rio de Janeiro. O território da nova diocese abrangia os atuais estados de São Paulo e Paraná e o sul de Minas. Teve como primeiro bispo Dom Bernardo Rodrigues Nogueira (1746-1748). O terceiro bispo foi Dom Frei Manuel da Ressurreição (1772-1789); durante seu bispado foi criada a Paróquia Santo Antônio, de Piracicaba, origem da nossa diocese.

O Papa Leão XIII criou, em 27 de abril de 1892, a Diocese de Curitiba (que abrangia todo o estado do Paraná) e, em 4 de agosto de 1900, a diocese mineira de Pouso Alegre (que abrangia o sul de Minas). A Diocese de São Paulo agora compreende só o território do estado de São Paulo.

NOVAS DIOCESES

Em 1908, era bispo de São Paulo Dom Duarte Leopoldo e Silva (13º bispo e 1º arcebispo). Em 7 de junho de 1908, através da Bula “Dioecesium nimiam amplitudinem”, do Papa Pio X (foto), foram criadas cinco novas dioceses - Botucatu, Campinas, Ribeirão Preto, São Carlos e Taubaté - desmembradas da Diocese de São Paulo, que foi elevada a arquidiocese.

A Diocese de Campinas teve como primeiro bispo Dom João Batista Corrêa Nery (1908-1920); o segundo foi Dom Francisco de Campos Barreto (1920-1941). Durante o pastoreio do terceiro bispo, Dom Paulo de Tarso Campos (1942-1968), foi criada a Diocese de Piracicaba, em 1944, com território desmembrado da Diocese de Campinas.

Onde estamos

Av. Independência, 1146 – Bairro Higienópolis
Cep: 13.419-155 – Piracicaba-SP
Fone: 19 2106-7575
Falar Conosco

Horários de Funcionamento

Cúria Diocesana

Segunda à Sexta das 08h às 11:30 e das 13h às 17h.

Assessoria de Comunicação

Segunda à Sexta das 13:30 às 17:30

Diocese de Piracicaba