“Eu te constituí como luz das nações para levares a salvação até os confins da terra” (At 13,47)
“Eu te constituí como luz das nações para levares a salvação até os confins da terra” (At 13,47)
Brasil e Mundo

“A Economia de Francisco”: evento na cidade de Assis reúne virtualmente jovens do mundo inteiro

Publicado em 20 de novembro de 2020 - 10:12:33

Uma expressão do Papa Francisco “ir adiante sempre” ecoou, na quinta-feira, 19 de novembro, como motivação do primeiro dia do encontro A Economia de Francisco em formato online, que reúne mais de 3000 jovens do mundo inteiro. Os jovens, e quem está acompanhando o encontro virtualmente, puderam percorrer um caminho a partir de Assis, a cidade de São Francisco, de reflexão sobre a economia do amanhã partindo de experiências concretas que estão sendo vivenciadas em diferentes partes do planeta como Congo, França, México, Siri-Lanka, entre outros.

Na abertura do encontro, às 10h (horário de Brasília), foi apresentada, em forma de vídeo, a mensagem: “Escutar o grito dos mais pobres para transformar a terra”, organizada pelos jovens do movimento ATD Quarto Mundo. Eles desenvolveram a experiência de “território de desemprego zero”, apresentada pelo jovem Martial Demaretez, de Lion, na França. Ele defendeu que uma nova economia precisa colocar o humano no centro para superar a lógica de desenvolvimento baseada no lucro.

O bispo de Assis, Domenico Sorrentino, saudou os participantes com Canto das Criaturas de São Francisco de Assis. “Sejam muito bem vindos a Assis!”, disse. Ele agradeceu a todos que colaboraram, nos últimos dois anos, para a realização do encontro, não esmorecendo diante da pandemia. Agradeceu especialmente ao Papa Francisco pela intuição de convocar o encontro.

O prefeito do dicastério para Serviço do Desenvolvimento Humano Integral do Vaticano, o cardeal Peter Turkson, enaltaceu a coragem dos jovens de não desanimar no contexto da pandemia do novo Coronavírus e deixar de realizar o encontro, mas ao contrário, com realização no formato online, fortalecer uma articulação mundial rumo ao momento presencial em Assis no próximo ano.

“Vocês jovens estão começando uma mudança radical, concebendo a economia como uma vocação nobre, promovendo uma riqueza que seja inclusiva. Este é o apelo: sair de uma economia que visa o lucro para uma economia social, que possa investir nas pessoas e no seu desenvolvimento. A economia deve estar a serviço do povo, e não o contrário”, disse.

Jovens: motor para mudar o desenvolvimento

A prefeita de Assis, Stefania Proietti, também falou durante a abertura do encontro. “Somente vocês jovens, livres de qualquer preconceito, poderiam abraçar esta convocação e desafio proposto pelo Papa Francisco. Vocês podem mudar o motor de nosso desenvolvimento para uma concepção de economia que respeita a criação, os fracos e os pobres rumo à fraternidade e a um novo humanismo”, disse.

Como mística, o encontro buscou revisitar a trajetória de São Francisco por meio de importantes marcos da arquitetura da cidade de Assis. No Santuário de Spoglazioni, os organizadores destacaram o despertar da vocação do santo. Em outro momento, no Santuário de Rivotorto, foi apresentado o abraço ao leproso, fato que marcou a vida de São Francisco.

A programação do primeiro dia incluiu conferências com os temas: perfeita alegria, economia da paz e reconversão industrial, inteligência artificial, modelos de negócio para uma economia humana, experiências em comunidade de transição ecológica e social e segurança alimentar. Jeffrey David Sachs, conhecido economista norte-americano pelo trabalho como conselheiro econômico de diversos governos, foi um dos conferencistas. Uma peça teatral “O retorno do Pequeno Príncipe” encerrou a programação do primeiro dia do encontro.

Destaques da programação do dia 20 de novembro:

O encontro continua neste dia 20 de novembro, das 10h às 14h, (horário de Brasília), e será transmitido pelo canal do youtube da CNBB em parceria com o VaticanNews. O dia será marcado por uma maratona de 24h na qual todos os países terão cerca de duas horas para se apresentar. Segundo o representante da Articulação Brasileira pela Economia de Clara e Francisco, Eduardo Brasileiro, os jovens brasileiros montaram uma apresentação e participação a partir de ecos de experiências do país de novas economias e da capacidade organizativa construída a partir do chamado do Papa Francisco. A apresentação brasileira será na sexta-feira, às 16h, horário de Brasília.

Também haverá outros dois momentos de intervenção direta de brasileiros: a) Na conferência: “Responsabilidade sócio-ecológica – olhar global e ações territoriais”, com o padre Vilson Groh e o Leonardo Boff e vários jovens do Brasil, às 10h10; e b) na conferência: “Somos todos países em desenvolvimento”, com Kate Raworth e J. Perkins, e participação de duas jovens brasileiras Mariana Maria e Myrian Castello, às 10h10, (horário de Brasília).

Acompanhe as reflexões do primeiro dia

 

 

Programação dos dias 20 21 de novembro aqui

Fonte: site da CNBB

 

Horário de Funcionamento

Cúria Diocesana

Segunda a Sexta das 8h às 11h30 e das 13h às 17h.

Assessoria de Comunicação

Segunda a Sexta das 13h30 às 17h30 Diocese de Piracicaba

Diocese de Piracicaba

Av. Independência, 1146 – Bairro Higienópolis - Cep: 13.419-155 – Piracicaba-SP - Fone: 19 2106-7575
Desenvolvido por index soluções