“Eu te constituí como luz das nações para levares a salvação até os confins da terra” (At 13,47)
“Eu te constituí como luz das nações para levares a salvação até os confins da terra” (At 13,47)

Tríduo acontece em preparação aos 70 anos do Carmelo em Piracicaba

Abril/ 2021 – Edição 151 – Ano XV

No dia 28 de abril, as irmãs carmelitas, do Carmelo do Imaculado Coração de Maria e de São José, em Piracicaba, festejam 70 anos de presença na Diocese de Piracicaba.

Para celebrar a data, de 25 a 27 de abril está programado um tríduo preparatório (ver programação completa no quadro abaixo) que tem como tema “Com José e Com Maria, o Carmelo rejubila: há 70 anos fazendo de Piracicaba um novo Nazaré”. E, em ação de graças, no dia 28, com início às 17 horas e com transmissão ao vivo pelo canal da TV Oração no YouTube, será celebrada missa presidida pelo bispo diocesano Dom Devair Araújo da Fonseca.

As Irmãs Carmelitas Descalças chegaram a Piracicaba em 1951, convidadas pelo então bispo diocesano, Dom Ernesto de Paula e provenientes do Carmelo de São Paulo. O Mosteiro do Imaculado Coração de Maria e de São José foi fundado em 11 de abril de 1951, funcionando provisoriamente na antiga residência episcopal, na Rua 13 de Maio, no centro de Piracicaba.

Em 15 de agosto de 1954, Dom Ernesto benzeu a primeira pedra do novo mosteiro, localizado no bairro São Dimas, para onde as religiosas se mudaram no dia 17 de abril de 1956. A inauguração oficial ocorreu no dia 1º de maio.

Todos os mosteiros procuram inserir-se na própria Igreja particular, sabendo que fazem parte da família diocesana e que é seu dever oferecer nela o peculiar testemunho de vida contemplativa. Esta comunhão com a Igreja particular se manifesta na estima e obediência filial ao próprio Bispo, na solicitude pelos problemas e iniciativas da diocese e na oração por todos os seus membros, especialmente pelos sacerdotes.

A vocação das Carmelitas Descalças é essencialmente eclesial e apostólica. O apostolado que Santa Teresa quis para suas filhas consiste na oração e imolação com a Igreja e pela Igreja. A clausura é uma disposição requerida pela vida contemplativa que, em sua estrutura, opta por uma contínua busca de Deus, na solidão e no silêncio.

As irmãs carmelitas dividem suas atividades diárias em oração e trabalho, refeições e momentos de convivência comunitária. Em Piracicaba, também há a confecção das alfaias para igrejas e produção e comercialização de pães e biscoitos para ajudar nos gastos com a manutenção do mosteiro.

Atualmente a comunidade – dirigida pela priora, Madre Maria Constantina do Sagrado Coração de Jesus – é formada por 14 irmãs professas de votos solenes e duas noviças de votos temporários.


Tríduo Preparatório – Programação

Missas com a presença restrita de fiéis

Tema: “Com José e Com Maria, o Carmelo rejubila: Há 70 anos fazendo de Piracicaba um novo Nazaré"


Dia 25 de abril - 8h -Frades Capuchinhos - Tema: A vocação religiosa contemplativa

Dia 26 de abril - 17h - Padre Claudemir Aparecido da Rocha - Tema: A mística da vida de oração das Carmelitas

Dia 27 de abril - 17h - Bispo emérito Dom Fernando Mason - Tema: Qual a importância do Carmelo para a diocese


Carmelo do Imaculado Coração de Maria e de São José
Rua José Ferraz de Camargo, 72 – Bairro São Dimas
CEP 13.416-060 – Piracicaba (SP)
Fone: (19) 3422-4337
e-mail: monjascarmelitaspiracicaba@gmail.com 

Horário de Funcionamento

Cúria Diocesana

Segunda a Sexta das 8h às 11h30 e das 13h às 17h.

Assessoria de Comunicação

Segunda a Sexta das 8h30 às 11h30 e das 13h30 às 17h30 Diocese de Piracicaba

Diocese de Piracicaba

Av. Independência, 1146 – Bairro Higienópolis - Cep: 13.419-155 – Piracicaba-SP - Fone: 19 2106-7575
Desenvolvido por index soluções