“Eu te constituí como luz das nações para levares a salvação até os confins da terra” (At 13,47)
“Eu te constituí como luz das nações para levares a salvação até os confins da terra” (At 13,47)

Dia do Catequista: dedicação à obra da evangelização

Agosto/ 2020 – Edição 144 – Ano XIV

A cada semana de agosto, a Igreja no Brasil se dedica a um grupo específico de vocações. No último domingo, dia 30, é celebrado o Dia dos Catequistas, homenageando e valorizando esta vocação tão importante nas comunidades.

Este tempo de pandemia exigiu de todos uma adaptação e com a Catequese não foi diferente. Segundo o animador diocesano da Pastoral da Iniciação à Vida Cristã, padre Willian Bento, ficou a cargo de cada pároco analisar, diante da própria realidade, o que era possível fazer. Ele lembra que “o bom esforço e a criatividade de muitos padres e catequistas fizeram com que os encontros continuassem, por meio das plataformas digitais com a Catequese online”. Padre Willian conta que na paróquia Menino Jesus de Praga, em Piracicaba, onde atua como pároco, a parceria com os pais foi fundamental, visto que os catequistas passam semanalmente o conteúdo a eles, que repassam aos filhos.

Na Paróquia São Paulo Apóstolo, em Santa Bárbara d’Oeste, o distanciamento provocado pela pandemia não impediu que os catequistas continuassem se dedicando à Igreja. Há três anos trabalhando como coordenadora da catequese na paróquia, Elisângela Paula Rezende Acioli, 37 anos, afirma que, desde o início do distanciamento social, realizam encontros semanais, sempre às quartas-feiras, das 19h às 20h, através de lives. A reação dos catequizandos tem sido muito positiva, que se esforçam para acessar o conteúdo, através da página do Facebook da paróquia. A ideia partiu do pároco, padre Agnaldo Moreira da Silva.

A paróquia conta com 67 catequistas em todas as etapas que preparam para a primeira eucaristia. Um grupo participa das lives e os demais ajudam durante o encontro, respondendo e interagindo no Facebook, pedindo fotos das crianças nos grupos de WhatsApp dos pais, utilizando como sinal de presença na catequese.

Sobre a preparação dos encontros, que têm como conteúdo a leitura da bíblia, dinâmica e desenvolvimento de um tema, Elisângela explica que são realizadas reuniões com a equipe de catequistas via WhatsApp. A Pastoral da Comunicação paroquial ajuda na parte técnica com os equipamentos e também orienta em alguns detalhes porque “é bem delicado falar com o povo, através de um celular e ao vivo”, afirma a coordenadora.

Os pais também têm participado junto com os filhos dos encontros e ajudam na realização das atividades, que devem ser concluídas pelas crianças até o próximo encontro. Eles enviam as fotos das lições para os catequistas.

Para animar e incentivar a participação das crianças e dos pais a criatividade é constante. Com a ajuda da comunidade e de alguns parceiros, os catequistas arrecadam alguns itens para a realização de sorteios no final de cada live: doces e balas para as crianças e terços, pizzas, kit beleza, Kit churrasco, entre outros brindes, para os pais.

Rosângela lembra ainda que fazer as lives tem sido uma experiência bem diferente. Para ela, o papel do coordenador é animar sua equipe, “o sim de vocês tem que ser mais forte do que esta pandemia. Os santos da nossa Igreja também passaram por várias situações difíceis e, com certeza, eles tinham vontade de parar. Mas o amor a Jesus e ao Seu evangelho sempre falaram mais alto”, incentiva a coordenadora.


Mensagem para os catequistas da diocese

“Amados irmãos, força e coragem! Neste tempo tão desafiador emana em nós uma sensibilidade do cuidado para com todos e uma abertura a novos instrumentos para comunicarmos a Boa Nova do Senhor. Faço uma importante exortação: não se distanciem daqueles que lhes foram confiados para a missão da educação da fé. Deus os abençoe”.

Padre Willian Bento
Animador diocesano da Pastoral da Iniciação à Vida Cristã

 

Novo Diretório de Catequese

O Novo Diretório de Catequese foi apresentado no último dia 25 de junho. O documento é redigido pelo Conselho Pontifício para a Promoção da Nova Evangelização (CPPNE).

A seguir, padre Willian Bento comenta sobre como este novo documento da Igreja pode contribuir com a catequese:

Nos últimos anos, emergiu na Igreja uma grande preocupação com a Catequese. Ela é, por excelência, a grande mensageira de Jesus Cristo e de sua Boa Nova. A Catequese deve fazer ecoar no coração das pessoas e na sociedade esta mensagem de vida e salvação. O Novo Diretório de Catequese está aí para coroar toda essa perspectiva. Destaco alguns objetivos que pretende tratar o novo Diretório:

1) Reitera-se a firme confiança no Espírito Santo, que está presente e age na Igreja, no mundo e no coração dos homens. Isto confere ao compromisso catequético uma nota de alegria, serenidade e responsabilidade;

2) O ato de fé nasce do amor que deseja conhecer cada vez mais o Senhor Jesus, que vive na Igreja; por esta razão, iniciar os crentes na vida cristã equivale a introduzi-los no encontro vivo com Ele;

3) A Igreja, mistério de comunhão, é animada pelo Espírito e torna-se fecunda para gerar para uma vida nova. Com este olhar de fé, reafirma-se o papel da comunidade cristã enquanto lugar natural, onde se gera e amadurece a vida cristã;

4) O processo da evangelização, incluindo a catequese, é, antes de tudo, uma ação espiritual. Isto exige que os catequistas sejam verdadeiros “evangelizadores com Espírito” e fiéis colaboradores dos pastores;

5) Reconhece-se o papel fundamental dos batizados. Na sua dignidade de filhos de Deus, todos os crentes são sujeitos ativos da proposta catequética, não receptores passivos ou destinatários de um serviço. Por esta razão, são chamados a tornarem-se autênticos discípulos missionários;

6) Viver o mistério da fé, em termos de relação com o Senhor, tem implicações para o anúncio do Evangelho. Com efeito, requer a superação de todas as contraposições entre conteúdo e método, entre fé e vida. 

Horário de Funcionamento

Cúria Diocesana

Segunda a Sexta das 8h às 11h30 e das 13h às 17h.

Assessoria de Comunicação

Segunda a Sexta das 13h30 às 17h30 Diocese de Piracicaba

Diocese de Piracicaba

Av. Independência, 1146 – Bairro Higienópolis - Cep: 13.419-155 – Piracicaba-SP - Fone: 19 2106-7575
Desenvolvido por index soluções