“Eu te constituí como luz das nações para levares a salvação até os confins da terra” (At 13,47)
“Eu te constituí como luz das nações para levares a salvação até os confins da terra” (At 13,47)

Pelas mídias digitais “ide e anunciai o Evangelho a toda criatura” (Mc 16,15)

Junho/ 2020 - Edição 142 - Ano XIV

Há pouco mais de dois meses, desde que o bispo diocesano de Piracicaba, Dom Fernando Mason, decretou, em 17 de março, a suspensão de missas e sacramentos, atendendo à determinação das autoridades públicas constituídas, visando ao isolamento social, devido ao novo coronavírus, nossa Diocese, assim como a Igreja no Brasil, tem vivenciado uma nova maneira de ser Igreja.

Nesse novo contexto, muitos párocos das diversas paróquias da diocese encararam um novo desafio para levar a Palavra de Deus e continuar próximo ao seu rebanho: comunicar-se por meio das mídias digitais. A maioria das setenta paróquias da diocese realiza missas, adoração ao Santíssimo Sacramento e terços, por meio das redes sociais.

O ambiente digital é também espaço de crescimento na fé para os fiéis e para o sacerdote que continuam a atender o envio do Mestre “Ide pelo mundo e pregai o evangelho a toda criatura” (Mc 16,15).

O “Em Foco” conversou com um padre de cada Região Pastoral, inclusive com o decano do clero diocesano, monsenhor Jorge Simão Miguel, sobre o desafio de levar o Evangelho pelas redes sociais. Acompanhe:

“Ide pelo mundo e pregai o evangelho a toda criatura" (Mc 16,15). Ide pelos meios sociais ao mundo anunciar a boa notícia, pregai sem medo e com clareza a palavra do Evangelho, que nos ensinou Jesus Cristo, a todas os seres humanos que possam ouvir, dando às criaturas o alento e conforto necessário em meio a tanta "pandemia"; através dos meios que possuímos, sendo um canal de graça a todas as pessoas, dando a elas esperança, fé e amor, porque "juntos somos fortes e separados somos fracos" e com Deus seremos salvos!!!” (Pe. Luís Carlos de Siqueira Martins – pároco da Paróquia São Francisco de Assis – Piracicaba 1)

“Celebrar de forma on-line tem sido uma experiência muito nova, boa e estranha! Nova por ser um meio diferente de celebrar, boa por saber que estou indo pelo mundo a outros lares distantes do território paroquial e estranha por não ter a presença acolhedora dos nossos amigos paroquianos, não poder dar aquele bom dia, olhando nos olhos de cada um, apenas através das belas mensagens que recebemos” (Pe. Claudemir Aparecido da Rocha – pároco da Paróquia Santa Cruz e São Dimas – Piracicaba 2)

“Sem dúvidas, na realidade atual, os meios digitais se revelam como um instrumento de evangelização e, ao mesmo tempo, como um desafio. Como meio, somos capazes de atingir pessoas nos mais diferentes lugares e espaços, mas creio que diante da proposta de Jesus, muito mais que anunciar, soa como desafiante o “ir” que supõe o encontro, a experiência do estar junto, em comunhão. Evangelizar é testemunhar com a vida, com atitudes e com a coerência no agir” (Pe. Adalton Roberto Demarchi – pároco da Paróquia São João Batista - Capivari)

“Estamos vivendo um tempo diferente de ser Igreja. Diante da pandemia do Coronavírus, a Fé não deixa de ser manifestada pelos fiéis que, devotamente, participam com amor e empenho, vivendo um novo jeito de ser Igreja, acompanhando e comungando Jesus Vivo no meio de nós. Os canais e sites da mídia nos proporcionam este novo jeito se ser Igreja, Povo de Deus” (Pe. Renato Luís Andreatto – pároco da Paróquia Nossa Senhora Aparecida – Rio Claro)

“Experiência nova e necessária neste momento de isolamento social. A comunidade participa, embora não presente fisicamente. Sua ausência física causa tristeza e dor, mas é alívio e consolo a consciência das pessoas terem, para além de algo físico, alma, emoções e sentimentos. Isto pode ser alcançado pela Palavra proclamada e celebrada, e pela Comunhão Espiritual. Mídia e redes sociais têm sido, sobretudo neste momento, um importante instrumento de presença evangelizadora” (Pe. Genildo Neves dos Reis – pároco da Paróquia Santo Antônio - Santa Barbara d’Oeste)


“Nestes tempos de pandemia, em que somos motivados a evitar todo tipo de aglomeração, a forma de chegar até os fiéis e ao povo de Deus são as redes sociais e as mídias digitais. É uma ferramenta moderna que, se bem usada, nos ajuda a colocar em prática o mandato de Jesus. A Cidade de Santa Maria da Serra tem uma população de 6.000 habitantes. Nas missas, nos finais de semana presenciais, havia uma participação de 10%, mas nas missas transmitidas pela página da Paróquia no Facebook passamos de 1.200 visualizações. Bem mais do que a participação presencial na Igreja. Por isso, apesar dos desafios e da falta de recursos técnicos, tem sido gratificante. Tanto que, depois de passarmos esta pandemia, continuaremos a transmissão nas redes sociais” (Pe. Cícero Araújo da Silva – pároco da Paróquia Santa Maria – Santa Maria da Serra)


“Os sacerdotes diretamente e os leigos indiretamente devem ser Apóstolos do Evangelho. Não importam os meios de comunicação. A imprensa pode ser falada, escrita, televisada, internet, todas devem ser usadas para cumprir o mandato do Senhor Jesus” (Monsenhor Jorge Simão Miguel – pároco emérito da Paróquia Imaculada Conceição) 

Horário de Funcionamento

Cúria Diocesana

Segunda a Sexta das 8h às 11h30 e das 13h às 17h.

Assessoria de Comunicação

Segunda a Sexta das 13h30 às 17h30 Diocese de Piracicaba

Diocese de Piracicaba

Av. Independência, 1146 – Bairro Higienópolis - Cep: 13.419-155 – Piracicaba-SP - Fone: 19 2106-7575
Desenvolvido por index soluções