“Ide pelo mundo inteiro e anunciai o Evangelho a toda criatura” Mc 16,15

Diáconos permanentes

A diocese conta com o trabalho dos Diáconos Permanentes. São homens casados que receberam o Sacramento da Ordem em seu primeiro grau. A eles compete administrar o Batismo, assistir ao Matrimônio, conservar e distribuir a Eucaristia, dirigir a comunidade, presidir o culto, pregar a Palavra de Deus, administrar os sacramentais (ritos, preces e bênçãos), oficiar exéquias, dedicar-se ao serviço dos pobres e realizar outras tarefas importantes.

O ministério diaconal foi introduzido na Diocese de Piracicaba por Dom Eduardo Koaik. 

Os diáconos permanentes prestam importantes serviços às paróquias e pastorais. Hoje são 51. Dom Eduardo Koaik ordenou 29, enquanto 26 foram ordenados por Dom Fernando Mason.

A diocese conta com o trabalho destes Diáconos Permanentes: 

  1. Ademar Fragoso
  2. Aderbal Soares Gomes
  3. Angelo Aparecido Zadra
  4. Antonio Carlos da Silva
  5. Aparecido Pires Vitoriano
  6. Arlindo Ferreira da Silva
  7. Benedito Valdemir Arena
  8. Carlos Alberto Trevisan
  9. Carlos Alberto Vila
  10. Carlos Bagatin
  11. Carlos Winckler
  12. Celso de Jesus Ribeiro
  13. Cícero Batista dos Santos
  14. Délio Evangelista
  15. Diogenes Ribeiro
  16. Eder Benedito Simonato
  17. Edgard Oliveira Batista 
  18. Edson Evaldo Reame
  19. Florivaldo Bertoletti
  20. Francisco Correia da Silva
  21. Gilberto Pessato
  22. Iracides Pinson
  23. Irineu José Teixeira Lisboa
  24. Jesuíno Gaspar
  25. Joaquim Antonio de Oliveira
  26. Joaquim Donizete de Oliveira
  27. José Carlos Soares
  28. José Roberto Cury Ferreira
  29. José Stripolli
  30. Luís Alberto Scarazzatti
  31. Luiz Bordignon
  32. Luiz Sergio Cristofoletti
  33. Luiz Venturini
  34. Márcio Adriano dos Santos
  35. Marcio Aparecido Cardia da Rosa
  36. Marcos Antonio Canobre
  37. Marcos Roberto do Nascimento
  38. Mário Morette
  39. Natalino de Jesus Chirelli
  40. Odalício Ferreira Bruno
  41. Odélcio Calligaris Gomes da Costa
  42. Osvaldo Francisco Silva
  43. Sebastião Virgílio Caritá
  44. Serafim Martins dos Santos
  45. Silvio Luiz Plotegher
  46. Vagner Aparecido Pedroso
  47. Valdecir Marques
  48. Valdevino José Zem
  49. Valdir Augusto Huppert
  50. Wagner Perez
  51. Waldecir Aparecido Agostinho

Administradores paroquiais

Dois diáconos permanentes estão à frente de comunidades paroquiais: Luís Alberto Scarazzatti é o administrador paroquial da Paróquia São Pedro, em Mombuca e Florivaldo Bertoletti, da Paróquia Nossa Senhora da Conceição, em Ipeúna. Florivaldo também é o coordenador diocesano dos Diáconos Permanentes e Luís Alberto o diretor da Escola Diaconal "São Filipe".

Presidente da CND

Um diácono da nossa diocese foi o presidente da Comissão Nacional dos Diáconos, organismo ligado à CNBB: o Diácono Odélcio Calligaris Gomes da Costa, eleito em 2007, cujo mandato estendeu-se até abril de 2011.

Diáconos falecidos

Seis diáconos permanentes são falecidos: Romão Ruiz, Jair de Oliveira, Elydio Berto, Roberto Hauptmann, Ângelo Freschi e José Judas Tadeu Miranda, todos ordenados por Dom Eduardo Koaik.

O Diácono Romão Ruiz faleceu no dia 17 de novembro de 2007, com 78 anos de idade e 17 de vida diaconal. Nasceu em 17 de março de 1929 e foi ordenado no dia 16 de março de 1990. Foi o único diácono permanente da diocese que não era casado, pois era religioso da Congregação dos Sagrados Estigmas de Nosso Senhor Jesus Cristo (Estigmatinos). Exerceu seu ministério na Paróquia Santa Cruz, em Rio Claro.

O Diácono Jair de Oliveira faleceu no dia 30 de setembro de 2008, com 53 anos de idade e 11 de vida diaconal. Nasceu em 10 de junho de 1955, em Piracicaba, e foi ordenado em 13 de julho de 1997. Foi casado com Solange Aparecida Teixeira da Silva Oliveira por mais de 28 anos e deixou duas filhas e um neto. Exerceu seu ministério em Piracicaba, nas paróquias São Judas Tadeu, Nossa Senhora Aparecida e Senhor Bom Jesus do Monte, além de realizar trabalhos esporádicos em outras paróquias da diocese.

O Diácono Elydio Berto faleceu no dia 19 de novembro de 2008, com 78 anos de idade e próximo de completar 8 anos de vida diaconal. Nasceu no dia 7 de novembro de 1930, em Piracicaba, e foi ordenado em 3 de dezembro de 2000. Foi casado com dona Maria Iracema Guião Berto por mais de 52 anos; não teve filho. Exerceu seu ministério na Paróquia Senhor Bom Jesus, em Rio das Pedras.

O Diácono Roberto Hauptmann faleceu no dia 8 de agosto de 2013, com 55 anos de idade e 12 de vida diaconal. Nasceu em 12 de outubro de 1958 e foi ordenado no dia 3 de dezembro de 2000. A última paróquia onde exerceu seu ministério foi a Paróquia Bom Jesus, em Rio Claro.

O Diácono Ângelo Freschi faleceu no dia 22 de fevereiro de 2015. Aos 97 anos de idade e 27 de vida diaconal, foi o primeiro diácono permanente da diocese. Nasceu em 20 de junho de 1917 e foi ordenado no dia 12 de outubro de 1987, na Matriz de São João Batista, em Rio Claro, onde exerceu seu ministério.

O Diácono José Judas Tadeu Miranda faleceu no dia 6 de abril de 2015. Nasceu em 3 de maio de 1943 e foi ordenado em 8 de setembro de 1991. Exerceu seu ministério nas paróquias Santa Maria, em Santa Maria da Serra e São Pedro, em São Pedro.

Onde estamos

Av. Independência, 1146 – Bairro Higienópolis
Cep: 13.419-155 – Piracicaba-SP
Fone: 19 2106-7575
Falar Conosco

Horários de Funcionamento

Cúria Diocesana

Segunda à Sexta das 08h às 11:30 e das 13h às 17h.

Assessoria de Comunicação

Segunda à Sexta das 13:30 às 17:30

Diocese de Piracicaba